TRT abre o olho contra as causas milionárias

Data: 01/08/2016

A reportagem do Valor Econômico mostrando que advogados forjam situações para provocar reivindicações milionárias em questões trabalhistas acendeu as antenas dos magistrados da área.

 

Citada na reportagem sobre as fraudes, a juíza Viviane Cristiane Habib está fazendo escola no TRT baiano. Ela puniu um advogado e o reclamante, condenando-os a pagar, cada um, 20% do valor requerido, por terem induzido testemunhas a mentir. No caso do advogado, a conduta foi comunicada à OAB.

 

Agora, os juízes baianos se concentram em processos milionários, com pedidos de indenização de até R$ 30 milhões, com alegações de difícil comprovação.

 

No Espanhol — E já que a Justiça trabalhista está empenhada em olhar causas milionárias com todo rigor, o caso do Hospital Espanhol é um prato cheio. As causas de 40 pessoas, entre médicos e ex-diretores, superam as de outros 2.200 funcionários. Uma delas chega a R$ 35 milhões.

 

Os advogados do hospital dizem que em muitos casos os médicos que postulam tais 'direitos' recebiam como pessoa jurídica, o famoso PJ, e agora querem o reconhecimento do vínculo empregatício como se dinheiro algum tivessem embolsado.

 

Fonte: Coluna Levi Vasconcelos (Site Uol)

Endereço: Tv. São Pedro, 566 - Belém - PA, 66023-570 

Telefone: (91) 3224-1819 // (91) 3224-8606