Planejamento Estratégico na Saúde como base de uma gestão eficaz

Data: 23/03/2018

Por Roberta Massa B. Pereira

 

Nosso país vive um momento turbulento, as oscilações na política impactam diretamente a nossa economia, desencadeando um efeito dominó elevando o desemprego que consequentemente afeta a área da saúde pública e privada.

 

Os custos na saúde aumentam a casa dia, as operadoras de saúde, clínicas, hospitais públicos e privados, buscam diariamente formas de reduzir seus custos sem prejudicar a qualidade na prestação de seus serviços.

 

Quando falamos em doenças, tratamentos médicos e saúde a questão acaba ficando mais complexa. Como reduzir os custos e manter a qualidade?

 

O grande desafio do ecossistema de saúde é encontrar uma forma de reduzir os custos e ao mesmo tempo conseguir assegurar a prestação de serviço com qualidade. Na verdade, somente dessa forma é possível garantir o que considero de gestão eficaz.

 

Uma ferramenta que contribui significativamente para o equilíbrio dessa equação (custos x qualidade) é o planejamento estratégico. Na área da saúde ela deve ser vista como a base de uma gestão eficaz.

 

A realização do planejamento estratégico dentro da área da saúde irá permitir uma visão ampla e aprofundada tanto internamente (processos, produção, metas, falhas) como externamente (clientes, parceiros, fornecedores).

 

Planejamento estratégico, fundamental na área da saúde

 

Um dos pontos fundamentais do planejamento estratégico dentro da área da saúde é que ele otimiza o processo de tomada de decisão.

 

Uma vez que através de sua prática, se identifica com facilidade os pontos críticos que necessitam de ações imediatas.

 

O Planejamento Estratégico na Saúde, também contribui para a redistribuição de recursos de forma eficiente, evitando os desperdícios e reduzindo custos.

Fonte: Gehosp

Endereço: Tv. São Pedro, 566 - Belém - PA, 66023-570 

Telefone: (91) 3224-1819 // (91) 3224-8606